2012 sob a influência de Pai Oxalá

Pai Oxalá

2012 começa num domingo, sob a regência de Oxalá, o pai de todos os Orixás, dos homens e de todas as criaturas. Senhor do branco, da paz, da visão, da paciência, da harmonia e da concórdia. O ano começa ainda um pouco conturbado e com alguns resquícios de 2011, com algumas disputas, brigas e dificuldades, mas como Oxalá é pacífico por natureza, após os três primeiros meses o dono das cabeças, das decisões e das escolhas, mostrará toda a sua força e então poderemos sentir um pouco mais da sua influência durante a regência de 2012. Apesar de contarmos com a benevolência de Oxalá, o Orixá nos alerta que 2012 será um ano de julgamentos, acerto de contas e resgates de Karma. Tudo o que plantamos nos anos anteriores será colhido em 2012. Se nossas ações foram positivas, colheremos os seus frutos, mas se ao contrário, tivermos plantado a discórdia, certamente sofreremos suas consequências. Mas mesmo nesses casos, nem tudo está perdido. Como Oxalá é um pai bondoso e carinhoso, poderemos sempre contar com seu perdão e misericórdia, basta para isso que nosso arrependimento seja sincero e que procuremos não repetir os mesmos erros do passado.

Na Mitologia Yorubá, Oxalá, o Grande Orixá é o primeiro Orixá a ser criado por Olodumaré (conhecido também como “O Rei do Pano Branco”); patrono da fecundidade e da procriação; esposo de Yemanjá; sua cor é o branco e o seu dia é a Sexta Feira mas também o domingo que é consagrado a Olorum e a todos os “Orixás Funfun” (de branco). Na Bahia é sincretizado com o Senhor do Bonfim o mesmo que Jesus de Nazaré na fé Cristã. Oxalá é o arquétipo das pessoas calmas e dignas de confiança; das pessoas respeitáveis e reservadas, dotadas de uma força de vontade inquebrantável.
Texto de Carlos Roberto-Magia Dourada

Boas energias e com o carinho de sempre…